Notícias

Sergio Moro será ouvido pela Polícia Federal neste sábado

Oex-ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, prestará depoimento na tarde deste sábado (2), na Polícia Federal, em Curitiba. O interrogatório foi determinado pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Celso de Mello, que conduz a investigação. 

Celso de Mello antecipou o depoimento de Sergio Moro após analisar pedido de parlamentares de partidos da oposição. Inicialmente, o prazo dado pelo ministro era de 60 dias. A oitiva será a primeira medida tomada no inquérito aberto a pedido do procurador-geral da República, Augusto Aras, para apurar suposta tentativa de interferência na PF ou crime de denunciação caluniosa.

Procuradores acompanham

Nesta sexta-feira (1), Augusto Aras designou os procuradores da República João Paulo Lordelo Guimarães Tavares, Antonio Morimoto e Hebert Reis para acompanhar todas as diligências a serem realizadas pela Polícia Federal no inquérito.

Judas

Em sua conta no Twitter, neste sábado (2), o presidente Jair Bolsonaro classificou Sergio Moro de “Judas” e relembrou o episódio em que foi esfaqueado durante a campanha eleitoral de 2018. 

"O Judas, que hoje deporá, interferiu para que não se investigasse?", disse Bolsonaro, em sua rede social.

Demissão

O ex-ministro Sergio Moro pediu demissão do cargo deixando o governo do presidente Jair Bolsonaro após quase 16 meses à frente da pasta. Ao anunciar sua decisão, Moro acusou o governo de interferir politicamente na Polícia Federal.

© 2017 GRUPO D'ANGELIS. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.TV GERAIS | GERANDO INFORMAÇÃO.

Please publish modules in offcanvas position.